Diogo Poças

Conheça um pouco da história do cantor Diogo Poças.

A história de Diogo Poças mais parece um conto. Levou algum tempo e precisou de um empurrãozinho do destino para que o músico se dedicasse ao seu trabalho autoral. Um acidente de moto colocou-o de molho e 16 anos ininterruptos dedicados à música publicitária, com incontáveis spots, mixagens, dublagens e jingles conhecidíssimos, agora teriam que esperar. O sonho de fazer seu próprio disco autoral falou mais alto. A recuperação do acidente serviu para compilar as canções inéditas, resgatar as músicas que gostaria de gravar e principalmenteprocurar um produtor ideal para transformar essa caldeira emocional em uma realidade musical.

Foi aí que o encontro com Pepe Cisneiros aconteceu. Incrivelmente criativo e altruísta Pepe conseguiu produzir um disco no qual tudo era único, do jeito que Diogo imaginava. As gravações e mixagens ficaram a cargo de Luis Paulo Serafim e Bruno Cardozo nos estúdios BRC e Mega (SP), privilegiando sempre os timbres acústicos e o universo dos músicos.

Cantar e compor sempre foram um desafio para Diogo Poças. Primogênito em uma casa musical (filho do Maestro Edgard Poças e irmão da cantora Céu), cantar estava no pensamento, mas não seria tão imediato se o acidente não acontecesse. Acidente ou acaso do destino, Diogo, que já estudava música (canto e piano) durante anos, confessa: “Tremi na base. Mesmo já vivendo tudo isso em família em diversas situações, era diferente. Agora os músicos estavam lá para gravar as minhas músicas, o meu som… Foi assim que o projeto nasceu: com pitadas de poesia, efemeridade, destino e amor”.

O disco Tempo é mais que autoral, é um reflexo da alma de Diogo Poças. Nele estão presentes todas as suas paixões e crises. O temor de perder sua própria identidade por estar há tanto tempo em estúdio produzindo músicas para outros interpretes e finalidades das mais diversas, passou rápido quando o CD começou a tomar corpo. O disco que acaba de chegar às lojas traz um cantor de MPB que privilegia a música, em sua forma e relevância. Diogo Poças traz para os nossos ouvidos, um antigo frescor, digno de grandes mestres, ou melhor, maestros. É a música brasileira em seu estado de graça, preservada, íntegra e sensível.

Comentários

REVISTA ESTILO FASHION

Edição 27

A Estilo Fashion é publicada semestral e contém assuntos váriados como moda, gastronomia, saúde, etc.

SAIBA MAIS

ANUNCIOS

  • Hotéis

    Rio''s Presidente Hotel

    Veja mais sobre esse anuncio

  • Mármores e Granitos

    Brasil Pedras

    Veja mais sobre esse anuncio

  • Som - Acessórios - Automotivos

    RF Som

    Veja mais sobre esse anuncio

  • Restaurante

    Guga''s Bar & Grill

    Veja mais sobre esse anuncio