A Barcelona da Catalunha e de Gaudí

A capital da região da Catalunha encanta seus visitantes com suas mil faces. Conheça as maravilhas da arquitetura de Antoni Gaudí e se apaixone pela cidade

Minha chegada a Barcelona seria o ponto alto de minha segunda viagem à Europa. Depois de uma semana em Paris e outra em Londres, cheguei às terras catalãs cheia de expectativas. Nos últimos tempos, quase todos com os quais eu conversava sobre viagens me falavam sobre a mágica e inesquecível Barcelona e agora era minha vez de conferir.

Cheguei ao hotel já por volta da uma da tarde e depois de um rápido check in, saí sem destino certo. Ansiosa por desbravar a cidade, mas sem saber por onde começar.

Com um mapa em mãos, segui para o ponto turístico mais próximo do hotel, uma catedral que, confesso, nem cheguei a conhecer! Estava do outro lado da rua quando vi um daqueles ônibus abertos que vivem lotados de turistas no final da primavera na Europa. Atravessei correndo e embarquei sem saber o roteiro. Com o sol na cabeça e a brisa no rosto, dei uma rápida olhada nas paradas programadas e tomei uma decisão aleatória: escolhi a Basílica da Sagrada Família como meu primeiro destino. Em minha memória, ela era o principal símbolo de Barcelona, mas jamais sonhei em conhecê-la, simplesmente estava incluída nos planos por ser uma parada obrigatória.

Depois de uma fila bem grande, Barcelona se descortinou aos meus olhos. Ao contrário das fotos que eu já tinha visto, a Sagrada Família não era uma obra escura e inacabada. Somente quando se chega mais perto é possível perceber os desenhos perfeitos, cheios de referência à Bíblia em esculturas que saltam das paredes. O que estava diante de mim era uma obra trabalhada minuciosamente. Cada espaço, parede, porta, teto – tudo! Esculpido e trabalhado nos mínimos detalhes – eu poderia ter ficado dias ali e não conseguiria absorver tanta genialidade e louvor em forma de arquitetura. Só depois soube que ela estava inacabada porque Antoni Gaudí, o arquiteto responsável pela obra, faleceu antes que estivesse finalizada. Alguns dizem que a obra nunca chegará ao fim, que este é um dos mistérios de Barcelona. Não sei. Tudo o que sei é que depois daquela experiência decidi que mais que uma semana em Barcelona, eu passaria uma semana na Barcelona de Gaudí.

Dia após dia fui perseguindo suas obras pela cidade: A Casa Milá ou La Pedrera; Palácio Güell (que por sorte tinha reaberto há apenas duas semanas, depois de um longo período de reformas); Casa Batló e o inigualável Park Güell! Os feitos do arquiteto catalão estão espalhados por toda a cidade como obras de arte. Não consegui visitar todas, mas o estilo de Gaudí é muito característico e algumas marcas se repetem em cada uma delas. Foi o suficiente para me apaixonar!

Gaudí morreu em 1926 e só depois da morte teve sua genialidade reconhecida. Hoje, é um dos grandes nomes do povo catalão e seu orgulho. Marca principal de Barcelona, capital da Catalunha.

Capital da Catalunha – Esse foi outro ponto que marcou minha viagem e que só descobri porque, junto com meus passeios e leituras de guias, também reservei parte do meu tempo em Barcelona para um rápido curso de espanhol. Apesar de estar na Espanha, a cidade é, acima de tudo, catalã.

A Catalunha é considerada um território à parte. Seus costumes, tradições e até o idioma são diferenciados. Todos na região falam espanhol, mas também falam o catalão – uma variação da língua. Essa informação está na base de tudo o que faz Barcelona ser única e tão linda.

Meu professor de espanhol explicou que quando a Espanha tomou a Catalunha para si, ficou com medo do povo de Barcelona se revoltar e impediu seu crescimento prendendo-os entre muralhas. Ali, a indústria já era muito forte, o que formou um povo muito rico, mas sem espaço para viver. Quando finalmente o governo permitiu que a cidade ultrapassasse os muros, o povo tinha tanto dinheiro que formou-se uma espécie de disputa para ver quem faria a construção mais bela. Assim, ela ficou dividida entre a cidade velha (a parte que ficava entre as muralhas) e a nova (que surgiu com a expansão). Parece um museu a céu aberto. Por isso que o arquiteto Gaudí teve um verdadeiro mecenas que investiu muito dinheiro em seu talento – o empresário Eusebi Güel, para quem fez grande parte de suas obras.

Mas a cidade também tem um lado moderno inquestionável. Esculturas, passarelas, praças e muitos outros espaços surgiram para complementar esta expansão em uma época ainda mais recente. Os jogos olímpicos de 1992 vieram para incrementar a beleza da cidade. Para se preparar para o evento, novos monumentos e obras de arte foram distribuídos pela cidade que passou por uma grande revitalização. Desde então, o novo convive em harmonia com o antigo e cada bairro é uma cidade.

Tem a Barcelona do futebol, com o grande estádio e museu do atual e tantas vezes campeão da Liga dos Campeões; a Barcelona do Porto Olímpico e das praias com muita badalação e gente bonita; a Barcelona do Porto Velho, com barcos ancorados entre a belíssima e moderna Rambla Del Mar – meu espaço preferido na cidade; a Barcelona da colina de Montjüic, com muita vegetação, museus e a Anella Olimpic, o circuito das Olimpíadas de 92; do riquíssimo Passeig de Grácia; de Picasso, de Miró…. São tantas!

Se eu tentasse resumir Barcelona neste texto, não conseguiria! Deixo aqui apenas uma declaração de admiração e surpresa para uma cidade tão plural que não pode ser desvendada tão facilmente. Não posso dizer que conheci Barcelona. Dei uma passadinha de uma semana, senti o ‘gosto’, me surpreendi com as formas e continuo na expectativa. Ainda há tanto para ver na capital Catalunha que só me restou rever as fotos e ler o livro sobre as geniais obras de Gaudí, sonhando com a próxima visita!

Comentários

REVISTA ESTILO FASHION

Edição 27

A Estilo Fashion é publicada semestral e contém assuntos váriados como moda, gastronomia, saúde, etc.

SAIBA MAIS

ANUNCIOS

  • Madeiras - Artefatos - Lojas

    Shalon Madeiras

    Veja mais sobre esse anuncio

  • Autoescola

    Auto Escola Exata

    Veja mais sobre esse anuncio

  • Tatuagens

    La Onda

    Veja mais sobre esse anuncio

  • Cabeleireiros - Estética

    Inove Cabelo e Estética

    Veja mais sobre esse anuncio